bem_mal

A dualidade em nossa existência

Sempre ouvimos falar que somos feitos à imagem e semelhança de Deus. Isto é uma grande verdade compreendida por poucos. Nós somos o Todo e fazemos parte do Todo. Isso significa que todos os aspectos de Deus existem dentro de nós. Desta forma há em nosso interior todas as possibilidades e isso inclui aquilo que chamamos de “Bem” e de “Mal”.

Em nossa existência encarnada, na ilusão provocada por nossos sentidos, percebemos e reagimos ao mundo dentro de uma visão eminentemente dualística: o bem e o mal, o bonito e o feio, o certo e o errado e nos manifestamos também na forma de qualquer aspecto dessa dualidade, claro ou escuro, luz e sombra, santo e pecador etc.

A grande realidade é que não somos “pecadores” a caminho da santidade, nem tão pouco homens “maus” que se tornarão “bons”. Como somos o Todo, junto ao pecador existe o santo, junto ao mentiroso está o verdadeiro e junto ao mesquinho, encontraremos o generoso.

Quando nos livramos dessa ótica da dualidade, fica muito mais simples compreendermos à nós mesmos e o próximo. O que percebemos ilusoriamente como partes distintas e separadas, formam a Unidade, ou Deus, ou o Todo, que é a perfeição absoluta.

À nós cabe o aprendizado de saber lidar com as infinitas possibilidades existentes em nossa alma para que consigamos realizar nossos sonhos. A evolução do nosso espírito não consiste em viver na dualidade, tentando passar de um lado para o outro, mas sim em conseguir enxergar a nós mesmos e ao outro, sem julgamentos, usando apenas a compreensão deste processo, a compreensão de que somos o Todo.

Roberto Legey

Roberto_LegeyRoberto Legey
Empresário, consultor, estudioso da epiritualidade, do processo de mudança de consciência planetária e colaborador do Movimento PENSO POSITIVO.

 

 

Este post foi lido 3192 vezes!

0 respostas

Deixe um comentário

Quer contribuir com seus comentários?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>