gratitude-1

A gratidão gera abundância

Pensai todos os dias em agradecer ao Céu até sentirdes que tudo o que acontece é para o vosso bem. A partir de agora, dizei:
 
“Obrigado, Senhor! Obrigado, Senhor!”
 
Agradecei por aquilo que tendes e por aquilo que não tendes, pelo que vos alegra e pelo que vos faz sofrer. Assim, alimentareis em vós a chama da vida.
 
Eis uma lei que é preciso conhecer: nada pode resistir à gratidão.
 
Vós direis: “Mas como é que podemos agradecer quando estamos infelizes, doentes, na miséria? Nunca poderemos!”
 
Sim, podereis, e é esse o maior dos segredos: mesmo infeliz, conseguir encontrar uma razão para agradecer. Sois pobres? Estais doentes? Agradecei, agradecei, regozijai-vos ao ver os outros ricos, com saúde, na abundância, e vereis… pouco a pouco, certas portas abrir-se-ão e as bênçãos começarão a fluir sobre vós.
 
Texto de Omraam Mikhaël Aïvanhov
 
Mais um excelente texto deste filosofo e pensador Búlgaro que nos explica o Poder da Gratidão e o efeito que ela tem para o sentir da nossa alma.
 
A maior parte das pessoas tem a noção de que só se deve sentir grato quando se recebe uma graça.
 
Eu pergunto e que maior graça pode existir do que o milagre de estar vivo e poder experienciar e aprender o caminho da Ascensão já nesta vida?
 
Sim porque, ultrapassando a adversidade, a dor, o sofrimento, damos entendimento que todos esses momentos são passageiros e contribuíram para o nosso crescimento e desenvolvimento espiritual.
 
Para além disso o simples fato de nos alegramos e regozijarmos com as coisas boas que acontecem aos outros é revelador de uma enorme Luz interior e de uma enorme compaixão, pois sabemos que toda essa abundância do Alto é proveniente.
 
É com toda esta gratidão no coração que a nossa energia muda e passamos também nós a sermos abençoados pela abundância dos céus que não tem de ser em gêneros ou material. É sem o esperar que os milagres surgem não para nos premiar mas consolidar a nossa fé.
 
Os bens materiais não passam de energia que flui através do Amor para a nossa vida. A eles não devemos ficar apegados mas usufruir de acordo com a nossa missão.
 
No entanto fica ciente que a verdadeira abundância é aquela que sentimos quando flui o AMOR Maior no nosso coração e o partilhamos com todos aqueles que nos rodeiam. E quando assim é não temos carência de nada.
 
Ama a tua vida e serás imensamente amado pelos Céus.
Fica bem.
 
A Mónada
 

Este post foi lido 1447 vezes!

0 respostas

Deixe um comentário

Quer contribuir com seus comentários?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>