carros-mais-fiveis-do-mundo_1506437215

O Ego, a Consciência e nós

EGO
 
Você sabe o que é ego? Sabe como ele atua?
 
Vou explicar de uma maneira bem simples, sem nenhuma complicação.
 
EGO é um “bichinho” que existe dentro do nosso corpo físico. Mais precisamente, na nossa mente.
 
O ego ouve o que a gente ouve, vê o que a gente vê, sente o gosto daquilo que a gente come, o odor daquilo que a gente cheira e a textura daquilo que a gente toca.
 
Ele nasceu quando nós encarnamos e vai morrer quando desencarnarmos, Ele só existe aqui nessa 3ª dimensão.
 
A ele foi apresentado um mundo horrível, cheio de crises, inflação, desemprego, violência, doenças e escassez. Por isso, ele é extremamente medroso, inseguro, cheio de dúvidas e incertezas.
 
O ego acredita que a vida é muito difícil de ser vivida e, por isso não gosta de correr nenhuma espécie de risco. Está sempre procurando um lugar seguro para se esconder…. a, por nós conhecida, zona de conforto. Quanto mais escondido, menor a chance de se arriscar a perder tudo o que tem, ser enganado, julgado e passado para trás e morrer. Para ele, a felicidade está em segundo plano, o mais importante é estar seguro. Ele se recusa a viver a vida. Para ele a vida é muito perigosa e o mundo cruel.
 
Apesar de medroso, ele é voluntarioso. Por achar que está sozinho, só pensa nele mesmo. Acha que o mundo deveria girar a sua volta. Não mede esforços para ter suas vontades satisfeitas e fica profundamente ofendido e nervoso quando isso não acontece. Muda de ideia rapidamente, vive altos e baixos numa montanha-russa de emoções.
 
Quando enfrentamos um desafio, cria um problema e uma série de dificuldades para nos convencer a ficar parado ou voltar para a zona de conforto. O ego é o rei do vitimismo.
 
CONSCIÊNCIA
 
A consciência é exatamente o oposto do ego. Ela também é um “bichinho” que existe dentro do nosso corpo físico. Tem toda a sabedoria do Universo, é calma, tranquila e jamais se rebela.
 
Veio com a missão de evoluir, melhorar e aprender. Tem a compreensão que todas as informações que recebe através do corpo físico que habita são pura ilusão e, por isso, não se abala nunca. A consciência usa os desafios que passamos como aprendizado para seguir em frente e atingir seu objetivo final.
 
NUNCA tem medo, insegurança, dúvidas ou incertezas. Não cria problemas porque só conhece as soluções. Não sabe o que é sofrimento ou dor. É puro amor e alegria de viver. Sabe da existência do companheiro ego, o compreende e nunca o julga nem a ninguém. Está sempre em paz e feliz, procurando fazer o seu trabalho, da melhor maneira possível nessa grande aventura chamada VIDA.
 
Nos momentos mais difíceis, tenta nos orientar e ajudar. Raramente a escutamos porque o ego é tão presente em nossas vidas que mal conseguimos ouvi-la.
 
Ela tem todas as informações que buscamos. É capaz de responder a TODAS as nossas perguntas e tirar TODAS as nossas dúvidas. Ela tem a fórmula para sermos abundantes, prósperos, saudáveis e completamente felizes. Ela sabe para onde devemos ir e como chegar lá.
 
Em suma, ela é uma mistura de GPS com um computador de última geração e está 24 horas ao nosso dispor e alcance.
 
E QUEM SOMOS NÓS?
 
Nós somos um terceiro “bichinho” que habita o corpo físico. Somos a própria INCONSCIÊNCIA.
 
Pagamos por isso uma conta muito grande. Enxergamos a vida com os olhos do ego, que só vê maldade, dor, sofrimento e escassez. Vivemos a ilusão que ele vive e por isso sentimos a dor e sofrimento que ele sente.
 
Na verdade, o corpo físico é um veículo, cuja mente é a direção. Dentro desse veículo há 3 passageiros: nós, o ego e a consciência.
 
O ego, por seu temperamento voluntarioso, assumiu a direção e conduz o veículo segundo a ilusão em que vive.
 
Nós, por nossa total inconsciência, não só entregamos a direção do veículo ao ego, assim como passamos a acreditar que somos ele.
 
A consciência é a única que consegue enxergar tudo o que acontece. Por ser puro amor, não briga pela posse da direção. Ela sabe que a jornada de aprendizado que se propôs funciona desta forma e que isso é perfeito. Espera calmamente que nos tornemos conscientes, que assumamos a direção do veículo e que, junto com ela aproveitemos essa jornada de aprendizado com muita alegria e felicidade.
 
Apesar de tranquila, ela trabalha incessantemente para sairmos dessa inconsciência. Tenta, a todo custo, se fazer ouvir. Quer nos ajudar a aproveitar essa chance fantástica oportunidade de aprendizado; quer que sejamos felizes, abundantes e prósperos.
 
O quanto você está consciente disso tudo?
 
Quem está no comando do seu veículo?
 
Por quanto tempo vai continuar tendo dificuldades nessa jornada porque quer permanecer inconsciente?
 
Por quanto tempo ainda está disposto a abrir mão da sua abundância, saúde, prosperidade, paz e felicidade?
 
Quando vai decidir acordar desse pesadelo, dessa ilusão?
 
Que tal assumir o controle do seu veículo?
 
Lembre-se: Tudo o que precisa saber para ter uma vida SENSACIONAL e feliz está aí dentro de você. É a Fonte, o GPS perfeito. Basta despertar para toda essa verdade, tomar posse desse GPS e começar a agir!
 
A vida não é para ser um castigo. É para ser uma alegre e feliz jornada de aprendizado.
 
******************
 
Se não teve preguiça de ler e chegou até aqui, esse texto ressoou em você de forma verdadeira.
 
Posso lhe ajudar, essa é minha proposta de vida. Se tiver interesse em aprender, DE FORMA PRÁTICA, a tomar posse desse GPS incrível chamado CONSCIÊNCIA, clique no link abaixo, preencha e envie.
 
 
Estou criando pequenas turmas para ensinar, de forma PRÁTICA, isso tudo.
 
Paz & Luz
 
Roberto Legey

Roberto_LegeyRoberto Legey
Empresário, consultor, estudioso da espiritualidade, do processo de mudança de consciência planetária e colaborador do Movimento PENSO POSITIVO.

Este post foi lido 1775 vezes!

1 responder

Deixe um comentário

Quer contribuir com seus comentários?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>