conscienciaa

Qual é a nova consciência?

Em meados da década de 1960, a atenção dos jovens deu uma virada repentina para dentro. Era como se um interruptor de luz tivesse ligado. De repente, eles acordaram e disseram:
 
“Oh, sim, eu lembro agora. As respostas estão para ser encontradas dentro de você”.
 
De meados da década de 1960, até meados da década de 1970, houve momentos de busca interna. O mundo exterior passou a ser visto como obcecado pela materialidade e insincero. Se houvesse sentido na vida, deveria ser encontrado dentro.
 
A revolução espiritual na consciência humana havia começado.
 
Nos Estados Unidos, a geração “Baby Boomers”, ou “Explosão de bebês”, refere-se a pessoas nascidas entre 1946 e 1962. Hoje, os “boomers” formam um terço da população dos EUA, 14% dos quais são crentes na metafísica e buscadores. Esses pensadores de ponta enfatizam a espiritualidade interna e a autoexpansividade. Seu senso de identidade é o de um eu interior real, em vez de um tipo egoico de si mesmo voltado para fora.
 
O verdadeiro eu interior é encontrado no silêncio. O eu interior é quem você é. É sua alma. Seu eu interior é o seu vínculo pessoal com o universo e com a sua fonte, o Ser Absoluto ou Infinito. É nesse silêncio que você percebe que tudo no universo é um, que a separação é, na verdade, uma ilusão. À luz dessa conexão interior com a alma, você também desenvolve seu senso de amor incondicional por toda a vida e toda a humanidade.
 
Com o passar dos anos, à medida que os boomers se transformavam em profissionais, em donos de casa e criando suas famílias, a atenção deles se concentrou nas demandas do mundo externo. Seu despertar espiritual parecia ter sido colocado em modo de espera. Em vez disso, na realidade, sua consciência espiritual estava fortalecendo-se enquanto esperava encontrar expressão no mundo exterior.
 
Pela década de 1990, os boomers buscavam expressar essa espiritualidade em suas vidas. No período de 1990 a 2003, por exemplo, 25% dos adultos britânicos na faixa etária de 30 a 59 anos, deliberadamente diminuíram o ritmo. Isso significa que eles fizeram escolhas voluntárias para melhorar sua saúde e vida familiar, apesar de tais escolhas significarem ganhar menos dinheiro.
 
Os anos 90 viram o estilo de vida holístico florescer e crescer para incluir três vezes mais pessoas do que antes. Mente, corpo e espírito se tornaram o novo mantra da vida holística. Se algo é bom para a sua mente, corpo e espírito, então é, por definição, bom para você como um todo.
 
A Nova Consciência hoje se concentra em obter conhecimento interior através da autopercepção e autodesenvolvimento. Promove a autossuficiência espiritual sem a imposição de padrões ou deveres por uma autoridade externa. Com a Nova Consciência, seu verdadeiro eu interior é sua autoridade. Seu senso de responsabilidade torna-se movido pelo amor e não pelo medo. Você não faz mal aos outros porque ama seus semelhantes, não porque teme o julgamento e a punição. Sua consciência espiritual cresce para a fase espiritual adulta. Você não precisa mais que te digam o que fazer, como pensar ou qual “deveria” ser o seu lugar na vida.
 
O eu interior de cada pessoa é cultivado e valorizado por sua singularidade. Há sempre potencial para o autoaperfeiçoamento, sempre há potencial para criar uma vida melhor. Junto com o desenvolvimento interior, surge um sentido mais claro de intuição ou discernimento. De repente, com um melhor discernimento, as opções de vida de uma pessoa se tornam cristalinas. Com discernimento, você identifica facilmente o melhor curso de ação para enfrentar com sucesso qualquer desafio.
 
Com discernimento, também vem a sincronicidade. A vida começa a dobrar em torno do seu plano de ação previsto, apoiando-o, fornecendo oportunidades e recursos justamente quando são mais necessários.
 
“Qualidade de vida” é o novo padrão que substitui o antigo “padrão de vida”. O bem-estar de todo o ser é primordial. Ajudar outras pessoas, estando a serviço verdadeiro do mundo, é um desejo natural que se desdobra à medida que seu senso de conexão interior se fortalece.
 
A sua autoestima é estimulada e curada, ao saber que cada pessoa tem um dom único para oferecer ao mundo, ao saber que você vai entregar esse dom e que você vai adorar fazer isso!
 
Por Owen K Waters
 
Fonte: www.spiritualdynamics.net – Edição e tradução exclusiva dos Trabalhadores da Luz: Laudi Fagundes e Daniele Costa.

Este post foi lido 661 vezes!

0 respostas

Deixe um comentário

Quer contribuir com seus comentários?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>