1° de Maio – Dia de Ascensão de Saint Germain

MENSAGEM DO MESTRE
  
 É bastante favorável que sejamos lembrados por aqueles com os quais nos preocupamos, pois somos como pais de tantos filhos que se encontram sob nossa proteção e receptivos para com o amor que podemos lhes doar. Gostaria que pudessem desde já perceber quão revigorante é para alguém que existe sempre entre vocês, porém de uma maneira diferente dos seus familiares e amigos mais diretos, sentir-se agraciado por seus carinhos e atenções. Enquanto ainda existe a necessidade de estarmos presentes nos seus meios, mesmo que apenas através do contato que fazem com os planos mais sutis, pretendemos estimulá-los a manter-mo-nos vinculados por laços de afeto e amizade. Muito haveremos de colher a partir do intercâmbio de intenções sublimadas e da reciprocidade que nos une segundo os mesmos ideais.
               Ideais estes que nos preenchem os momentos co-criativos da emoção de estarmos confabulando entre semelhantes. Vale apontar que a nossa semelhança aumenta a vontade que temos de intercedermos pelo bem maior e por tudo o que possa modificar para melhorar a condição de vida de todas as pessoas do mundo. Por esse motivo, penso que enquanto houver acesso de suas partes para que possamos alcançar seus corações e suas moradas, estaremos juntos de vocês. Eu em particular não pretendo nunca medir esforços e aceito o compromisso de exercer com minhas atribuições, com a única finalidade de acelerar o processo de emancipação da consciência para a sociedade humana. Havendo abertura da parte de quem se encontra entre as tantas expressões do campo da experiência material, sempre me habilitarei a transferir o que possa ser útil para seus avanços a partir da mente que ascensionou.
               Compreendam definitivamente que ascensionar significa se libertar das misérias que os compromissos com a mente que articula ideias usuais nas esferas mais densas impõem às pessoas ditas normais. Faz-se necessário que assumam de uma vez por todas o conceito que em diferentes circunstâncias temos nos empenhado em traduzir para seus pensamentos, o qual os fará absorver-se muito mais nas suas buscas por apreensão dos raciocínios que tornam o mesmo acessível para suas compreensões. Ascensionar exige atenção na prática do que se conhece por teoria e não apenas a leitura e a propagação do que se leu sem que tenha havido experimentação dos conteúdos que se tentou absorver apenas por meio da adesão mental. Será complexo para alguns, ao menos em um primeiro momento desta parte da história com a qual estão convivendo.
               Mas, quanto maior for o número de adeptos e praticantes do que queremos propagar, maiores serão as chances de que os elementos que constituem seus caminhos rumos às Esferas de Luz se tornem mais fáceis de entender para todos os demais que ainda continuem sentindo dificuldade de lidar com tantos novos conceitos que lhes estão sendo outorgados. Desta forma, enquanto pensam em fazer-me tal homenagem, lembrando da data em que ascensionei, pensem também em suas próprias oportunidades de atingir uma etapa mais elevada dos processos de vida que têm experimentado. Garanto-lhes que haverão de se regozijar sempre e mais, na medida em que atingirem escalas vibratórias mais condizentes com as suas aspirações espirituais. Se querem ouvir um bom conselho de alguém que já fez o que será favorável que vocês também façam, leiam com atenção ao que escrevo e assumam suas iniciativas de fato, para que, a curto ou médio prazo, se coloquem entre os primeiros desta fila que estará levando muitos a ascensionar.
               Ainda predomina descrença e falta de fé no que existe para todos, independente de quem sejam do ponto de vista da sociedade materialista, e que estamos difundindo por meio de palavras em ensinamentos, e através de práticas às quais já podem aderir com segurança. Houve um tempo em que se pensou que a vida conforme a conhecem, predominantemente repleta de interesses temporários e em acúmulo de “sabedorias” provisórias, não poderia ser transformada segundo o que se desejasse conquistar como recursos espirituais. Mas, não há como se negar que já afloram novas conquistas, e muitos são os que vêm dialogando abertamente sobre as possibilidades que se fazem presentes, mesmo nos seus afazeres diários, para que aprendam a expandir suas consciências rumo ao infinito.
               Dentre as oportunidades que se fazem, vejam que os temas de estudo que já podem explorar com mais liberdade estão abundando nos seus meios. Além do que, suas próprias habilidades de perceber os aspectos mais sutis que são inerentes ao ato de existir já se fazem notar com mais nitidez. Dentro de suas congregações existem também inúmeras chances de aderirem ao que dilui os erros do passado e transmuta suas condições, de modo a poderem se estabelecer na paz dos que sabem que estão certos ao buscar pela Luz. Portanto, não retardem seus momentos de se renderem ao que está chamando por mais adeptos, pois, suas rendições levará outros a também se renderem. Assim, crescentemente iremos consagrar a Terra ao avanço espiritual.
               O planeta está fadado a abandonar seu atual estado, que é ainda o de um lugar para expiação de atos pecaminosos e aprendizagem das leis que regem aos mecanismos da sobrevivência material. Ele está sendo preparado, através dos preparativos que se oferecem para as pessoas que o povoam, para assumir uma nova condição, onde tudo o que vem sendo anunciado nos últimos anos se consumará. O que anunciamos é a redenção do conjunto que os contém, na forma e na qualidade de residência planetária, a esfera terrena. Tal termo, redenção, terá inclusive outro significado para a alma que ascensionar, assim como eu ascensionei, e porque o fiz agora sou lembrado por vocês. Eu Sou grato por suas homenagens, Eu Sou sincero no que eu digo, porque tenho que o dizer. Eu Sou a Luz que está Presente dentro de cada um de vocês, Eu Sou o Amor e o que a partir dele se traduz, a fim de apoiá-los no que preciso for.
Eu Sou, Eu Sou, Eu Sou
Saint Germain (25/04/2014)
Conteúdo obtido por sintonização através de Valéria Moraes Ornellas (Sri Krishna Madhurya Devi), Sacerdotisa da Ordem de Zadkiel, co-fundadora da Editora Sétimo Raio e Presidente do Templo da Fé Bhagavata – RJ, e originalmente publicado em http://missaodesaintgermain.blogspot.com.br. Se desejar divulgar este texto, favor citar devidamente a autoria e a fonte original da publicação.

Este post foi lido 944 vezes!

0 respostas

Deixe um comentário

Quer contribuir com seus comentários?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>