img_2830

Não se pode criar abundância a partir da carência

Se sua vida o tem conduzido para um espaço doloroso, a primeira coisa que você deve começar a transformar em prioridade é seu próprio cuidado e nutrição.
 
Cuidar primeiro de suas próprias necessidades é um ato de amor-próprio e provavelmente você está fora de equilíbrio e tem negligenciado em se dar o amor que você precisa por um bom tempo.
 
Foi ensinado a muitos de vocês que colocar na frente seu bem-estar não é bom, é egoísta e que há algo de nobre em sempre colocar os outros acima de você.
 
Este simples sistema de crença é responsável pelo desgaste do que é tão predominante em tantas pessoas amorosas e cuidadosas.
 
Você simplesmente não pode atrair o amor e o apoio que você procura se não aceitar e se dar essas mesmas energias.
 
Não não se pode criar abundância a partir da carência.
 
Amar-se é essencial como um aspecto da consciência de unidade.
 
Nós pedimos que vocês parem de se colocar por último, parem seu autodiálogo negativo.
 
Você é uma parte vital, amada e honrada do planeta!
 
Você não pode ter a alegria de experienciar essa verdade até começar a se dar o mesmo cuidado maravilhoso e carinhoso, amor, compreensão e apoio que você tão generosamente compartilha com os outros.
 
Por fazer isso você irá brilhar e prosperar e terá muito mais para oferecer aos outros a partir desse espaço sólido e equilibrado de amor, apoio e nutrição que você criou para si.
 
Arcanjo Gabriel
 
Arcanjo Gabriel através de Shelley Young
http://trinityesoterics.com
Facebook: Trinity Esoterics
Twitter: @trinityesoteric
YouTube: http://www.youtube.com/user/trinityesoterics
Tradução: Blog SINTESE http://blogsintese.blogspot.com

Este post foi lido 10033 vezes!

0 respostas

Deixe um comentário

Quer contribuir com seus comentários?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>