carol

Conectando-se com o Divino

Somos incapazes de conceber Deus, o Todo, A Fonte, Tao, Brahma, Consciência Cósmica…
 
Tantos são os nomes quanto as formas de interpretar uma vastidão que a mente limitada jamais conseguirá atingir.
 
Todas as tentativas intelectuais de se descrever e alcançar a Totalidade são inúteis, pois passam longe da Verdade.
 
Só podemos atingir a Divindade através do sentimento. E o sentimento que nos conecta a Ela é o Amor. Não apenas o amor endereçado a alguém, mas o Amor por tudo o que há.
 
Este Amor nos leva a um estado perene de benevolência e beatitude que nos impulsiona para a ação, pois o Todo é movimento.
 
Este Amor agita todos os átomos de nosso ser e nos faz sentir vivos como nunca antes.
 
É simples encontrar o Divino.
 
Basta respirar. Ele está no ar.
 
Basta ouvir os sons da Natureza. Ele reside ali.
 
Basta contemplar o céu estrelado. Ele mora em cada estrela e no vazio entre elas.
 
Basta mergulhar nos olhos do amado (a) para sentir que ele é O Próprio encarnado.
 
Basta ajudar. No seu ato solidário, Ele se manifestará.
 
Este é o início da Unificação, é a porta de entrada.
 
Se não encontramos Deus nesta dimensão, de nada adianta saltar para o próximo nível.
 
Vamos pensar nisso.
Mabel Cristina Dias
 

Este post foi lido 1675 vezes!

0 respostas

Deixe um comentário

Quer contribuir com seus comentários?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>