Post 1-E

Em essência, somos de origem divina

Cabe a nós praticar a paz e a harmonia, a individualidade e a firmeza de propósito, e desenvolver progressivamente o conhecimento de que, em essência, somos de origem Divina, filhos do Criador, e, portanto, temos dentro de nós o poder de alcançar a perfeição se apenas o desenvolvermos, como o faremos, seguramente, mais cedo ou mais tarde.
 
E essa realidade deve crescer em nós até que se torne o traço mais marcante de nossa existência. Devemos praticar firmemente a paz, imaginando nossa mente como um lago sempre calmo, sem agitações, sem mesmo ondulações para perturbar sua tranquilidade e, aos poucos, desenvolver esse estado de paz até que nenhum acontecimento da vida, nenhuma circunstância, nenhuma outra personalidade seja capaz, sob qualquer condição, de encrespar a superfície do lago ou de despertar em nós sentimentos de irritabilidade, depressão ou dúvida.
 
Ajudar-nos-á efetivamente reservar poucos momentos diários para pensar serenamente na beleza da paz e nos benefícios da calma, e compreender que não é através de preocupação ou de ansiedade que poderemos realizar mais; mas sim, que nos tornamos mais eficientes em tudo o que empreendemos, através de pensamentos e ações calmos e serenos.
 
Harmonizar nossa conduta nesta vida de acordo com os desejos de nossa própria Alma, e permanecer num estado de paz tal que as atribulações e preocupações do mundo nos deixem impassíveis, é, na verdade, uma grande conquista e nos dá aquela Paz que transcende a compreensão; e embora isso possa parecer um ideal inatingível, ele está, na realidade, com paciência e perseverança, ao alcance de todos nós.
 
Dr. Edward Bach
 

Este post foi lido 2536 vezes!

0 respostas

Deixe um comentário

Quer contribuir com seus comentários?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>