90DCD847-E8C0-45E6-A5B9-F2CFDAA862C8

Poder de Escolha

Existe uma presença e um poder dentro de nós que nos orienta e nos guia, tornando nosso caminho fácil e suave. Nós só precisamos tomar consciência desse poder e deixar que ele trabalhe para nós.
 
Quase sempre, quando acordamos de manhã, pulamos da cama e começamos a querer abrir nosso caminho, mantendo o controle sobre tudo.
 
Mas não é assim que esse poder trabalha.
 
Manter o controle sobre a vida seria igual a tentar controlar as batidas do coração, a respiração, a digestão dos alimentos, enfim, controlar as funções incontroláveis do nosso organismo.
 
Se você tentar fazer isso, vai perturbar o ritmo natural dos processos do seu corpo.
 
A melhor coisa que podemos fazer pelo nosso corpo é alimentá-lo saudavelmente, praticar exercícios que nos deem prazer e deixar que a inteligência que existe em nosso corpo tome conta do resto.
 
A melhor coisa que podemos fazer por nossa vida é ter pensamentos positivos e amorosos, perdoar os outros, ter carinho por nós mesmos e deixar agir a inteligência do universo criando tudo aquilo que possa servir para o nosso maior bem-estar e completa alegria.
 
Dessa forma, tudo acontece suavemente. O poder que nos criou nos deu o poder de criar nossas vidas, o poder de escolher nossos pensamentos.
 
Essas escolhas constroem nosso futuro.
 
Se escolhemos a raiva, a agressão e o ressentimento, vamos criar apenas mais raiva, agressão e ressentimento.
 
Se queremos amor, precisamos ter pensamentos amorosos.
 
Se queremos alegria, precisamos pensar em alegria.
 
Se queremos sentir paz e calma, precisamos ter pensamentos pacíficos.
 
Se queremos prosperidade, precisamos abrir nossa mente para ela”.
 
Louise Hay

Este post foi lido 2187 vezes!

0 respostas

Deixe um comentário

Quer contribuir com seus comentários?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>