dica_posit_13_3

Possua, não seja possuído

POSSUA, NÃO SEJA POSSUÍDO
Por Roberto Legey
Colaborador do Movimento PENSO POSITIVO
 
Passamos grande parte de nossas vidas pensando em ter. Em ter cada vez mais, adquirir bens, acumular bens e propriedades.
 
Acreditamos que só assim seremos felizes, nos sentiremos seguros e realizados.
 
Em nome disso, passamos a vida lutando ferozmente contra tudo e contra todos, numa competição insana.
 
Sequer somos capazes de perceber que, com isso, nos escravizamos cada vez mais.
 
Nos apegamos a todos os objetos que conquistamos e nos tornamos escravos deles. Acabamos sendo possuídos pelos bens que adquirimos.
 
Na verdade, não temos nada, não possuímos nada. Tudo que chega às nossas mãos pertence ao Universo e nos é emprestado com a finalidade de aprendermos algo com eles.
 
Devemos sim satisfazer nossos desejos, mas os desejos do coração e não do ego.
 
Quando satisfazemos um desejo do coração nos sentimos completos e verdadeiramente felizes. Satisfazer o desejo do ego é abraçar o fútil, o efêmero e esse prazer é passageiro, não é felicidade.
 
Podemos sim ter de tudo, o universo é abundante e temos direito à essa abundância. O que não podemos é ser possuídos pelos bens materiais.
 
A liberdade é essencial para a felicidade e ser livre é não ser possuído por nada.
 
———————————————————————————–
 
Encontre seu Eu Superior em você. Ele é uma fonte imensa de sabedoria ansioso por lhe ajudar nessa jornada terrena.
 
Venha conversar comigo e conheça o trabalho que posso fazer com você.
 
Mande um WhatsApp para (19) 9.9533-2136 dizendo EU QUERO!
 
Ou clique no link abaixo, preencha o questionário e me envie:
 
 
E saiba como posso te ajudar a ter um 2019 fantástico.
 
Roberto Legey


Roberto_LegeyRoberto Legey
Empresário, consultor, estudioso da espiritualidade, do processo de mudança de consciência planetária e colaborador do Movimento PENSO POSITIVO.

Este post foi lido 8716 vezes!

0 respostas

Deixe um comentário

Quer contribuir com seus comentários?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>