diferencia-entre-depresion-y-tristeza-1

Quando a felicidade virá?

Estamos vivendo um momento de crise generalizada. As pessoas estão perdidas, amedrontadas, sem saber o que fazer e nem para onde ir. Todos estão em busca da felicidade; acreditam que ela virá da realização pessoal e da prosperidade. Esse é um grande equívoco: A felicidade somente virá quando estivermos no fluxo que nos levará ao nosso propósito de vida e isso só irá acontecer quando nos reconectarmos com a Fonte que habita nosso interior.
A grande maioria das pessoas se orienta por motivações que não se relacionam à sua verdadeira missão. Essas motivações estão alinhadas com a necessidade de sobrevivência, com a necessidade de agradar à família e à sociedade.
O ser humano, ainda nas teias do ego, abriu mão do caminho que o faz verdadeiramente feliz. A identificação com o ego e a ilusão o fez entrar em um ciclo de total esquecimento. As coisas são feitas automaticamente, sem saber exatamente o porquê. E sempre pensando em agradar a terceiros.
Preste atenção em você! Você é o foco! Não se violente em nome de ser aceito por quem quer que seja. Sua missão é vibrar o amor que você é e isso só acontecerá quando estiver sendo feliz. Você só será feliz sendo quem você é. E acredite: Você é absolutamente perfeito! Viva a sua essência, siga o seu caminho, ouça sua consciência.
 
A felicidade está ao seu alcance AQUI E AGORA!
 
A ausência de consciência está ligada à ausência de conhecimento.
 
É possível ser feliz e realizado.
 
Quer aprender a ser feliz?
 
Clique no link abaixo, preencha o questionário, me envie e aguarde meu contato:
 
 
Venha participar da minha turma!
 
Roberto Legey

Roberto_LegeyRoberto Legey
Empresário, consultor, estudioso da espiritualidade, do processo de mudança de consciência planetária e colaborador do Movimento PENSO POSITIVO.

Este post foi lido 2351 vezes!

0 respostas

Deixe um comentário

Quer contribuir com seus comentários?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>